Youtube Link   Facebook Link Twitter Link
3,00 EUR / 2,00 EUR c/d

Preço Visita à Casa da Memória + Visita ao CIAJG
5,00 EUR / 3,50 EUR c/d

Entrada gratuita crianças até 12 anos / domingos de manhã, das 10h00 às 12h30
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante

Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
A Casa da Memória é uma âncora da História e da Cultura de Guimarães, nas suas perspetivas histórica, social, cultural, económica e vivencial.
Situada na antiga fábrica de plásticos Pátria, na Av. Conde Margaride, é um local de encontro, partilha e reflexão dos vimaranenses com e sobre as suas raízes, tradições e memórias. Na Casa da Memória poderá encontrar histórias, documentos, factos e objetos que permitem conhecer diferentes aspetos da comunidade vimaranense através de um largo arco temporal: da Pré-História à Fundação da Nacionalidade, das Sociedades Rurais e Festividades à Industrialização do Vale do Ave e à Contemporaneidade. Através de uma leitura cronológica da História é ainda possível conhecer os marcos que modelaram a região de Guimarães e compreender a evolução das suas transformações sociais e geográficas. Mais do que uma visita contemplativa, a Casa da Memória oferece aos visitantes uma experiência. 
 
Horário
terça a domingo
10h00-13h00
14h00-19h00
 
Consulte o site da Casa da Memória
Casa da Memória is an anchor of Guimarães History and Culture, in a historical, social, cultural, economic and experiential perspective.
Located in the old plastic factory Pátria, in Av. Conde Margaride, is a place where citizens of Guimarães share and reflect on their roots, traditions and memories. Casa da Memória brings together a set of stories, documents, facts and objects enabling us to get to know different aspects of the community from Prehistory to the Dawn of Portugal’s Nationhood, from Rural Societies and Festivities to the Industrialization of the Ave River Valley and Contemporary Times. A chronological reading of History provides a linear reference to get to know the landmarks dotting the region and to understand how its social and geographical transformations have evolved. More than a contemplative visit, Casa da Memória offers an experience to the visitors.
informação adicional fechar todos
Todas as idades
4,00 EUR / 3,00 EUR c/d

Preço Visita ao CIAJG + Visita à Casa da Memória
5,00 EUR / 3,50 EUR c/d

Entrada gratuita crianças até 12 anos / domingos de manhã, das 10h00 às 12h30
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante
_
Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Lógica circular, eterno retorno, repetição e diferença: a nova montagem da coleção permanente, vigente durante o ano de 2018, regressa ao mapa delineado pela exposição inaugural do CIAJG, “Para além da história”.
Trata-se de prosseguir um projeto sem tempo plenamente consciente do tempo em que é realizado, afirmativamente contemporâneo sem ser exclusivamente constituído por objetos de arte contemporânea. A sua natureza é ser transversal, poroso, impuro, aberto e circular, procurando nexos, relações, permanências; por outras palavras, sonda o impercetível que o tempo histórico, tão marcado por uma memória seletiva e fatalmente grosseira, acaba por expurgar.
 
Obras de José de Guimarães, Franklin Vilas Boas, Rosa Ramalho, Rui Moreira, Jaroslaw Fliciński
_
Arte Africana, Arte Pré-Colombiana e Arte Chinesa Antiga da Coleção de José de Guimarães
 
Consulte o site do CIAJG - Centro Internacional das Artes José de Guimarães
 
Horário da Exposição
terça a domingo
10h00-13h00
14h00-19h00
Circular logic, the eternal return, repetition and difference: the new montage from the permanent collection on display in 2018 returns to the map drawn out in at the inaugural exhibition at the José de Guimarães International Arts Centre-CIAJG, “Beyond History”.
The notion is to follow a timeless project but fully aware of the time frame in question, affirmatively contemporary without being exclusively made up of contemporary art objects. Its nature is porous, impure, open and circular, seeking out possible nexus, relationships, and points of permanence; in other words, it probes the imperceptible that historical time – so marked by a selective and fatally vulgar memory – manages to purge in the end. 
informação adicional fechar todos

Todas as idades

2,00 EUR / 1,00 EUR c/d
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante

Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Com a exposição de André Príncipe, o Centro Cultural Vila Flor pretende dar a conhecer uma obra que, inexplicavelmente, não tem a merecida visibilidade. As fotografias de André Príncipe combinam pensamento, utopia, esperança, consciência, sonho, imaginação... embora assumam estes elementos de forma velada, como sombras informes, fantasmas.
Os temas abordados expandem-se em diversas direções, vestígios de um mundo imperfeito, impuro, injusto, cruel... com o qual o artista se confrontou, por vezes de maneira violenta. A realidade dos factos em cada representação age por contraposição, tentando inverter a ordem estabelecida pelo discurso politicamente correto. As imagens dirigem-se às pessoas, propondo soluções alternativas indiretas ou ideias de mudança invertidas; não podendo escapar ao exterior, misturam-se com ele, ficando anos e anos submersas em composições subjetivadas, num inconsciente escondido, calado, anónimo... 
 
Horário da Exposição
terça a sábado
10h00-13h00
14h00-19h00
With the inauguration of the André Príncipe exhibition, the Vila Flor Cultural Center is aiming to present the work of an artist who, inexplicably, has not yet earned the level of visibility that he deserves. André Príncipe`s photographs bring together thought, utopia, hope, awareness, dreaming, and imagination even though these elements may assume the form of shapeless shadows and ghosts in a veiled way.
The themes in question go off into different directions, the vestiges of an imperfect, impure, unjust and cruel world that confronts the artist, and many times violently. The reality of the facts in each representation acts in counter-position, trying to invert the order established by politically correct discourse. The images are directed at people, proposing alternative or indirect solutions or inverted ideas for change; unable to escape the exterior they blend with him, remaining for years and years submersed in subjective compositions in a hidden, silent, anonymous unconsciousness…
informação adicional  |  imagens fechar todos

Todas as idades

Entrada livre
A exposição "Pergunta ao Tempo" é o resultado de um longo processo de investigação sobre o património cultural, desenvolvido pelas crianças do 4º ano dos 14 agrupamentos de escolas do concelho de Guimarães.
O património cultural local, na sua materialidade e imaterialidade, a reflexão sobre a memória e as formas como a representamos, recolhemos e tratamos, envolveram as crianças, as suas famílias, os/as professores/as e a comunidade local. Dentro da própria exposição permanente da Casa da Memória, os objetos, as histórias e os testemunhos recolhidos pelas crianças coabitam e dialogam com cada um dos núcleos expositivos.
 
Horário
terça a domingo
10h00-13h00
14h00-19h00
 
Consulte o site da Casa da Memória

The exhibition Pergunta ao Tempo (“Asking Time”) is the result of a long process of researching the local cultural heritage, carried out by 4th grade students from 14 primary schools in the Concelho (County) of Guimarães. Cultural heritage (in its material and immaterial nature) and the reflection on memory and the forms we use to represent, collect and treat it, were themes which involved the children, their families, the teachers, and the local community. In the Casa da Memória`s permanent collection, the objects, stories, and testimonies collected by the students cohabitate and enter a dialogue with each one of the exhibition areas.
informação adicional fechar todos
Coordenação Marta Silva
Acompanhamento Raul Pereira
Apoio Criativo Matilde Seabra e Rita Faustino
_
Todas as idades
4,00 EUR / 3,00 EUR c/d

Preço Visita ao CIAJG + Visita à Casa da Memória
5,00 EUR / 3,50 EUR c/d
Entrada gratuita crianças até 12 anos / domingos de manhã, das 10h00 às 12h30
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante
_
Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Exposição integralmente dedicada à reunião de projetos inéditos, nunca antes vistos ou nunca produzidos, que cobrem todo o percurso de Julião Sarmento, um dos mais destacados artistas portugueses de cuja obra, no que concerne a alguns períodos e por contingências várias, paradoxalmente não temos registo. É esse exercício de reconstituição que os curadores da exposição fazem juntamente com o artista.
Horário da Exposição
terça a domingo
10h00-13h00
14h00-19h00
 
Consulte o site do CIAJG - Centro Internacional das Artes José de Guimarães
This exhibition is dedicated solely to bringing together unique works by Julião Sarmento – never before seen or never before produced pieces – which cover the career of one of the most prominent Portuguese artists, with these works related to certain periods and various areas which we paradoxically have little record of. The exhibition curators have collaborated with the artist to bring this exercise of reconstitution to fruition.
informação adicional  |  imagens fechar todos
Todas as idades
4,00 EUR / 3,00 EUR c/d

Preço Visita ao CIAJG + Visita à Casa da Memória
5,00 EUR / 3,50 EUR c/d
Entrada gratuita crianças até 12 anos / domingos de manhã, das 10h00 às 12h30
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante
_
Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Nesta exposição antológica, os desenhos e os trabalhos em vídeo de Pedro A.H. Paixão estarão expostos em contexto nas salas dedicadas à coleção permanente do CIAJG, apresentados em articulação com um projeto sonoro especificamente concebido para o espaço expositivo.
Horário da Exposição
terça a domingo
10h00-13h00
14h00-19h00
 
Consulte o site do CIAJG - Centro Internacional das Artes José de Guimarães
In this anthology-style exhibition, the drawings and video works of Pedro A.H. Paixão will be on display in the context of the rooms dedicated to the CIAJG permanent collection, presented in articulation with a sound project specifically conceived for the exhibition space.
informação adicional  |  imagens fechar todos
Todas as idades
4,00 EUR / 3,00 EUR c/d

Preço Visita ao CIAJG + Visita à Casa da Memória
5,00 EUR / 3,50 EUR c/d
Entrada gratuita crianças até 12 anos / domingos de manhã, das 10h00 às 12h30
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante
_
Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Exposição realizada em colaboração com o serviço de Educação e Mediação Cultural que propõe uma releitura da história da arte através de um dispositivo de apresentação elementar – imagens retroprojetadas – e que se apresenta como um museu imaginário, um museu de todos os museus, problematizando a questão da reprodução e da migração das imagens.
29 junho a 05 julho
O RINOCERONTE DO SENHOR DURERO
06 a 12 julho
ENTRE O MUSEU E O MERCADO, ESCOLHO O MERCADO 
13 a 19 julho
PODE A ESCULTURA MUDAR O MUNDO?  
20 a 26 julho
EU NÃO SEI DESENHAR
27 julho a 03 agosto
KARAWANE
JOLIFANTO BAMBLA O FALLI BAMBLA
04 a 12 agosto
OS SELVAGENS
 
Horário da Exposição
terça a domingo
10h00-13h00
14h00-19h00
 
Consulte o site do CIAJG - Centro Internacional das Artes José de Guimarães
This exhibition carried out in collaboration with Education and Cultural Events Services offers a re-reading of art history through a simple classroom device – the overhead projector – which will show images that present an imaginary museum, a museum of all museums, and will take up the question of the reproduction and migration of images.
informação adicional  |  imagens fechar todos
Todas as idades
Consulte a edição impressa do nosso programa cultural através de uma plataforma de visualização digital que permite folhear, de forma atrativa, os conteúdos da programação de julho de 2018.

CLIQUE AQUI

fechar todos
Atividade gratuita*
*com limite de participação condicionada ao espaço existente
Artistas e comunidade local partilham histórias e rituais, em conversas, algumas mágicas, e outras tecidas.
Estas conversas integram um projeto colaborativo de pesquisa, interação e residência artística (com as artistas residentes Hermionne Alsopp, UK e Ida Blazicko, Croacia) e com a comunidade de Trás de Gaia, tendo como referência os rituais e costumes dos lavadouros públicos. Desta forma, promovem-se novas relações com a comunidade e outras leituras sobre o território e o pensamento artístico e criativo em torno do têxtil. A ação, levada a cabo pela Ideias Emergentes | Contextile 2018, em parceria com a Casa da Memória de Guimarães (CDMG), insere-se no projeto e plataforma europeia Magic Carpets, cujo objetivo é promover a mobilidade de artistas e curadores emergentes e o trabalho com as comunidades locais.
 
PROGRAMA 
 
09h30-11h00 
Lavadouro/tanque Trás de Gaia
O lavadouro/tanque público: da história ao uso e rituais | Conversas animadas e mágicas
 
11h00-13h00 
Casa da Memória
Magic Talks / Carpets (Virginja Vitkiene) | Projeto CDMG / Trás de Gaia
 
13h00-15h00 
Terraço da Casa da Memória
Magic Pic Nic 
 
15h00-17h00
Magic Visits – o têxtil na exposição da Casa da Memória
 
17h30-19h00
Lavadouro/tanque de S. Gualter
Performance: usos e rituais + conversas de roupa suja | Refresco na ribeira
 
Consulte o site da Casa da Memória

Artists and the local community share stories and rituals in conversations, some magical and others woven together. These conversations are part of a collaborative project of research, interaction and artistic residency (with artists-in-residence Hermionne Alsopp [UK] and Ida Blazicko, [Croatia]) together with the community from Trás de Gaia, with their focus on the rituals and customs of the public wash-house. This event will promote new relationships with the community and other critical readings on the concept of territory and artistic and creative thought related to textiles. The action, coordinated by Ideias Emergentes | Contextile 2018, in partnership with the Casa da Memória de Guimarães (CDMG), is part of the project and European platform entitled ‘Magic Carpets’, whose objective is to support the mobility of emerging artists and curators and to promote work with local communities.

informação adicional fechar todos

Maiores de 12

Entrada livre
Depois do primeiro encontro de antigos alunos do curso de Artes da Escola Secundária Martins Sarmento, que deu origem à exposição de alguns dos seus trabalhos no Museu de Alberto Sampaio, a Casa da Memória acolhe o “Momento 2”: uma exposição que apresenta um conjunto de obras que medeiam entre o tempo de aulas (1988 a 2002) e a atualidade.
Estas criações – desenho, pintura, fotografia e instalação, entre outras – refletem sobretudo os lados do testemunho e do manifesto: uma prova do forte impacto da educação artística no percurso de vida de cada um destes antigos alunos.
 
Inauguração da Exposição
Sábado 28 julho, 17h00
 
Consulte o site da Casa da Memória 

On the heels of the first encounter of the former students of Art from the Martins Sarmento Secondary School (which resulted in the exhibition of their work at the Alberto Sampaio Museum), the Casa da Memória now welcomes “Momento 2”, an exhibition that presents a set of works that mediate between the artists’ time in school (1988 to 2002) and the present day. These creations – drawings, paintings, photography and installations, among others – reflect, in particular, the notion of testimony and manifesto, itself proof of the strong impact of artistic education on the life-path of each of these former Guimarães students. 
informação adicional fechar todos
Todas as idades
2009 © Design Martino&JañaDesign | Programação Webprodz | Optimizado para resoluções superiores a 1280x800